Ponderações, Sem categoria

Seja a protagonista

Em um dos meus filminhos prediletos, O Amor Não Tira Férias, a personagem Íris sofre profundamente com um caso de amor confuso e não resolvido, onde o objeto de seu desejo, um tipo canastrão,  parece mais preocupado em conseguir que ela corrija seus textos (os dois são jornalistas) do qualquer outra coisa. Arthur Abbot um velhinho muito querido e respeitado roteirista de cinema ao ouvir todo o drama amoroso de Íris sentencia: “Nos filmes, nós temos a protagonista e a melhor amiga. Você, eu posso dizer, é a protagonista, mas por alguma razão, vem se  ...