Ponderações, Sem categoria

Contra o seu preconceito

Você que tem preconceito por quem eu sou, ou como estou, devia sair, escolher um banco para sentar e, tomando um sorvete doce e gelado, observar o tanto de gente que anda por aí.

Veja bem, cada ser caminhando a sua frente carrega uma história, uma bagagem, tomou decisões de acordo com o que viu e viveu. Ninguém é igual a ninguém, repare bem! É um mundo muito louco esse em que a gente vive, mas encare essa loucura como um grande benefício, onde podemos estar sempre aprendendo com os “diferentes”, onde podemos ter a nossa própria e exclusiva história – sem copiar ou imitar ninguém. Onde podemos crescer, virar gente grande de verdade.

Veja, você também é livre para caminhar, para tentar, errar, voltar atrás, você pode construir sua própria história, escrita com as suas escolhas, baseadas na sua verdade, dentro das suas possibilidades. Você pode amar e ser amado, ser inteiro, ser feliz legitimamente e isso, acredite, é o que nos protege de qualquer tipo de preconceito.

Acho que você gostaria de ler também...

Deixe seu comentário