Ponderações

Sem mais porquês.

Quarenta anos vividos na mais absoluta ânsia de aprender, de saber, de entender…Ela leu, estudou, perguntou, questionou, duvidou. Por vezes ela se cansou, sentou um pouco para descansar, mas não se deixou desanimar, respirava fundo, olhava para o tamanho desse mundão e pensava; “tem de haver resposta para tudo por aí” e seguia adiante.

Não aceitava porque sim, ou porque não e no meio do caminho encontrou todo tipo de gente. Houve quem a taxasse de louca, perguntadeira, gente que simplesmente não a entendia e torcia o nariz, gente que tentava convencê-la de deixar tudo para lá, mas houve também quem se solidarizasse com sua curiosidade, alguns a acompanharam por um período, nas suas andanças em busca dos porquês, mas a maioria do tempo ela esteve sozinha. E ela entendeu que essa estrada seria sempre, ou quase sempre, solitária.

Em mais um dia de caminhada ela viu, ao longe, pessoas que riam e se divertiam sem se preocupar com tantos porquês, sem querer saber onde o caminho ia dar, sem perguntar o que vinha depois, sem discutir se era certo ou não, foi então que ela percebeu o seu cansaço, um lampejo de tristeza e se lembrou das oportunidades que deixou passar – como não querer seguir ao lado de quem não conseguia entender, ou abrir mão de uma bela história, pois ela não tinha explicação, ah! e ela gostava tanto de explicação!

Depois de dias caraminholando ali, parada naquela encruzilhada, ela decidiu ficar descalça, esvaziou lentamente sua bolsa onde estavam todos os livros, caderninhos de anotação, bússola, mapas e folhetos de explicação, os deixou ali e seguiu adiante, deixando que apenas o vento mostrasse o caminho. Ela estava disposta a tentar não entender, porque aquilo, às vezes, como um sapato apertado, doía demais.

Acho que você gostaria de ler também...

2 Comments

  1. NomeCristina

    18/11/2014 at 21:33

    Srta Holly,

    Quanta saudade, andou sumida.
    Ainda bem que voltou em grande estilo com esse texto esplendido.
    Quero encontra-la mais vezes por aqui.
    Bjs

    1. srtaholly

      18/11/2014 at 21:56

      Ah srta Cristina, saudade tb!!! ❤️

Deixe seu comentário