Ponderações, Sem categoria

Sem ressentimento

Já parou para pensar que aquilo que te ressente vai com você onde quer que você vá? Você carrega todos os dias, por todo o seu caminho aquele ou aquilo que te fez mal. E veja bem, não é o seu ressentimento que não vai embora, é você que não deixa ele partir. Carregando ele como uma mala velha, pesada, um pacote mal embrulhado, uma caixa cheia e desajeitada. O seu objeto de mágoa, angustia ou rancor continua vivendo a sua própria vida, e arrisco imaginar, sem ao menos se dar conta do mal que lhe causa. Você fica ali remoendo sua mágoa, sua angustia ou  ...