Ponderações

Cozinha de afeto

Eu cresci observando as pessoas cozinharem, minha avó Hermínia, a Tatinha, que cuidava de mim, minha mãe, minha madrinha Terinha, minha tia Luiza, gostava de ver essas pessoas cozinhando, não comida do dia a dia, comida especial: pão, bolo de chocolate de casquinha, bolachinha de nata, torta de nozes, favito, molho, massas. Ficava encantada! Eu já cozinhei mas não cozinhava mais, só as vezes, quando precisava, por obrigação. Agora é diferente, voltei a ir pra cozinha com prazer e entusiasmo. Percebi que faço exatamente as comidas que me trazem  ...